O que é a Campanha #DoeSeusMeritos?

quinta-feira, fevereiro 16, 2017


Comemoramos nesse ano de 2017, o centenário das Aparições de Nossa Senhora em Fátima. Esta comemoração se torna ainda mais importante se analisarmos o conteúdo das mensagens de Fátima, nela são revelados pontos importantes na realização da Vontade Divina e todas as aparições marianas posteriores a confirmam.

Temos características importantes na aparição:

1 – é mostrado o inferno aos pastorinhos: nisso vemos a preocupação e a razão da aparição – as almas estão a se perder. É nos dado o adversário, aquele que se empenha para que as almas se percam – Satanás. E ainda uma frase intrigante: “Muitas almas se perdem por não ter quem reze e se sacrifique por elas”.

2- é nos dado uma arma para essa batalha: Nossa Senhora insiste, em todas as aparições, que se deve rezar o terço todos os dias.

3- é nos dado um refúgio, uma fortaleza, tão bem feita que em si é uma arma: o coração da Santa Mãe de Deus. “Meu Filho quer estabelecer no mundo a Devoção ao Meu Imaculado Coração”. 

4- apesar de todos os percalços – “No fim o meu Imaculado Coração Triunfará”.

No entanto o que seria a Devoção ao Imaculado Coração de Maria?

Sabemos que nessa data já existiam devoções a Maria e a Seu Coração. Sempre houveram devoções marianas.

No entanto, em Fátima temos, como mensagem principal, o desejo do coração de Jesus em estabelecer a Devoção ao Coração de sua Santa Mãe. 

Podemos então concluir que a forma como as devoções marianas estavam sendo feitas não comportavam o que Jesus desejava.

Interrogada sobre o que seria essa “Devoção”, irmã Lúcia uma das videntes de Fátima, diz que se trata de uma “entrega total”.

A partir disso podemos analisar que somos: alma, corpo, tudo que temos materialmente e espiritualmente. 

Dessa realidade, concluímos que realmente existem distinções entre as devoções/consagrações a Santa Virgem, pois nem todas abarcam a entrega de todos essas faculdades.

Existiria, portanto, alguma Devoção que responderia, com maior perfeição, ao desejo do Coração de Jesus?

A consagração pelo Método de São Luís Grignion de Montfort, possui essa distinção particular. A alma que se consagra entrega-se totalmente a Santa Virgem, inclusive os seus bens espirituais.

Mas o que seria entregar meus bens espirituais?

Cada um de nós possuí um tesouro espiritual. Este tesouro é composto pelo valor de nossas boas obras.

Toda boa obra que se faz possui um valor. Esse valor é determinado pelo amor empregado em sua realização.

Quanto maior o amor, maior o valor.

O valor que é atribuído a uma boa obra se divide em dois tipos: transferível e intransferível.

valor intransferível chama-se meritório, ou seja, ganha-se por mérito. Não pode ser entregue a ninguém, é creditado somente a pessoa que fez a boa obra. Este valor se tornará nosso grau de glória no céu.

valor transferível é composto pelo valor impetratório e pelo valor indulgêncial. O impetratório é aquele que empregamos para a alcançar graças para nos mesmos ou para outra pessoa viva e o indulgêncial é aquele que é empregado para o pagamento das próprias penas ou das penas das almas do purgatório.

Nota: é importante lembrar que o Sacramento da Confissão apaga a culpa e não a pena, todo pecado possui uma culpa – que é perdoada no Sacramento- e uma uma pena – por romper o equilíbrio da comunhão com Deus. As penas são apagadas somente com emprego de indulgencias.

Toda boa obra possuí esses valores.

Quando nos consagramos entregamos o valor meritório para que seja cuidado pela Santa Virgem e também o indulgencial e impetratório para que sejam empregados para a salvação das almas ou o que for para a Maior Glória de Deus.

Mas qual a importância da entrega dos Méritos?

Como dito anteriormente os valores Indulgencial e Impetratório são entregues a Santa Virgem e ela pode então dispor deles para que a Vontade de Deus se cumpra.

Sabemos pela revelação bíblica e pelas revelações marianas que a preocupação de Jesus é a salvação das almas que estão a se perder.

Nossa Senhora disse em Fátima que isso esta a acontecer por não ter quem ore e se sacrifique por elas, ou seja, quem ofereça o valor de suas boas obras, quem ofereça bens espirituais.

Ou seja, através da doação dos méritos doáveis podemos realizar uma obra de caridade perpétua, oferecendo continuamente o valor de nossas boas obras, sem necessitar intencioná-las, para que se cumpra a Vontade de Deus.

Assim, uma alma que esta a viver no pecado, que talvez nunca saberá o que é a Total Consagração, pode alcançar a contrição de coração e se arrepender dos seus pecados antes da morte e ir para o céu, pois muitos ofereceram, sem interrupção, o valor impetratório de suas obras. Ou ainda uma alma que esta a pagar o penhor a justiça Divina pode vir a contemplar a Deus, pois eu e você entregamos o valor indulgencial de nossas obras.

São Pio IX dizia que é impressionante o número de alma que se salvam não pelos seus próprios méritos, mas pelo de outros.

Portanto, vemos na vivencia dessa Consagração a virtude da caridade e a ação da Misericórdia de Deus.

É possível perceber então a importância da entrega dos méritos:

Primeiro: por colocar nas mãos da mais zelosa das Mães o valor meritório de nossas boas obras. Esta Boa Senhora que cuidará e fará com que cresçam, fazendo com que andemos ao encontro do Amado Jesus à passos de gigante.

Segundo: entregamos o valor transferível de nossas boas obras, atitude que pode alcançar a salvação de muitas almas. Que é Vontade do Coração de Jesus.

Devido a todos esses pontos e em resposta aos apelos de Nossa Senhora em Fátima estamos a propagar a campanha #DoeSeusMeritos, com o objetivo de propagar a Total Consagração a Santa Virgem, ainda incentivar a consagração e a renovação da mesma em dias específicos. A data mais próxima é dia 13 de Maio.

Para isso os apostolados propagadores da consagração se uniram para produzir materiais de formação, dando subsidio aos que desejam se consagrar, aos que desejam renovar e ainda aos formadores.

Para que você tenha acesso aos conteúdos gerados segue abaixo a relação de apostolados que estão a trabalhar para gerar material de formação.

Grupo do zap do apostolado Salus in Caritate: Aqui


Como eu que sou já consagrado posso me engajar?

Você que é consagrado deve se empenhar a fazer grupos de formação, presenciais ou virtuais, deve estudar e se aprofundar para poder responder de forma acertada a todas as dúvidas sobre a consagração, independe de quem esteja a lhe expor questionamentos.

Também deve se empenhar a usar a suas redes sociais para propagar a consagração e assim, por meio de sua postagem, outros possam se interessar a conhecer a Total Consagração e se consagrar.

Espero que possa estar conosco!
Para que venha o Vosso Reino, ó Jesus. Venha o Reino de Maria!
Salve Maria Puríssima!

Por: 
Ana Paula Barros

Você Também Pode Gostar

0 comentários

Curta-nos no Facebook

Google +